O que a Igreja tem a nos dizer sobre o suicídio?

Thaysa Meitling Pinto | amorevolezza.consultoria@gmail.com

O caso do vocalista Chester Bennington, da banda norte americana Linkin Park, acabou chamando a atenção para um assunto polêmico: o suicídio. O músico de 41 anos se enforcou no último dia 20, depois de ter lutado por anos contra as drogas e o álcool. Em uma de suas últimas entrevistas, Chester havia relatado que já havia pensado em pôr um ponto final na sua vida, já que havia sido abusada quando criança.

Quando o tema é suicídio, muitas dúvidas vêm à tona, principalmente no mundo cristão. E é sobre isto que irei falar hoje. Mas, antes de poder mostrar qual a visão da Igreja sobre o polêmico assunto, vamos entender o que ele vem a ser.

A palavra suicídio foi criada em 1737 por Desfontaines, na qual dizia que os fatores de quem planejava o ato apontava a para a real necessidade de buscar a morte como um refúgio para o sofrimento que se torna insuportável.

Segundo a Comissão de Assuntos Sociais (CAS), 3 pessoas cometeram suicídio no Brasil e 199 pessoas se suicidaram no mundo. Estima – se que ocorra um autocídio a cada 40 segundos no mundo e a cada 45 minutos no Brasil.

E  que a Igreja nos ensina sobre o tema?

O Catecismo da Igreja Católica nos ensina que “cada um é responsável por sua vida diante de Deus que lha deu e que dela é sempre o único e soberano Senhor. Devemos receber a vida com reconhecimento e preservá-la para sua honra e a salvação de nossas almas. Somos os administradores e não os proprietários da vida que Deus nos confiou. Não podemos dispor dela”. (§2280). e que “contradiz a inclinação natural do ser humano a conservar e perpetuar a própria vida. É gravemente contrário ao justo amor de si mesmo. Ofende igualmente o amor do próximo porque rompe injustamente os vínculos de solidariedade com as sociedades familiar, nacional e humana, às quais nos ligam muitas obrigações. O suicídio é contrário ao amor do Deus vivo” (§2281).

Um dos dez mandamento dados por Deus é “Não matarás”. Isso significa que não devemos pôr fim a nenhuma vida: seja dos outros ou a nossa própria. Deus é o Autor da vida e por isso só Ele tem a autoridade para decidir quando uma vida de terminar. Quando alguém mata ou comete suicídio, a pessoa está querendo passar por cima da autoridade de Deus.

Um suicida tem o perdão divino?

Embora o ato contradiz a inclinação natural do ser humano a conservar e perpetuar a própria vida, “não se deve desesperar da salvação das pessoas que se mataram. Deus pode, por caminhos que só ele conhece, dar-lhes ocasião de um arrependimento salutar. A Igreja ora pelas pessoas que atentaram contra a própria vida” (§2283).

Mas, lembre – se de que a vida é uma dádiva de Deus, um bem muito precioso! Deus é fonte de toda vida e sem ele estamos mortos, “pois o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus, nosso Senhor.” (Rm 6,23). “Feliz é o homem que persevera na provação, porque depois de aprovado receberá a coroa da vida, que Deus prometeu aos que o amam” (Tiago 1,12)


Referências:
http://g1.globo.com/musica/noticia/chester-bennington-do-linkin-park-e-encontrado-morto-diz-site.ghtml
http://veja.abril.com.br/entretenimento/linkin-park-dias-antes-da-morte-filho-exortou-pai-a-amar-a-vida/
http://www.medicinamitoseverdades.com.br/blog/o-que-leva-uma-pessoa-ao-suicidio
http://www.cvv.org.br/conheca-mais-suicidio.php
http://www.abeps.org.br/prevencao/
http://www.infoescola.com/sociologia/suicidio/
http://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2017/05/25/a-cada-45-minutos-uma-pessoa-se-suicida-no-brasil-dizem-especialistas-na-cas
https://formacao.cancaonova.com/igreja/doutrina/um-suicida-esta-condenado/
http://www.catolicismoromano.com.br/content/view/4737/29/
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Site hospedado por WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: